HomeEstilos de Decoração

Decoração Minimalista

Decoração Minimalista
Like Tweet Pin it Share Share Email

Na hora de decorar os cômodos da casa, bate aquela dúvida sobre como fazê-lo. Uma

das formas de garantir que não haja erro é fazendo uma decoração o mais minimalista

possível, que garantirá a funcionalidade do cômodo sem que haja nada excessivo. O

minimalismo pode ser encontrado em movimentos artísticos e científicos, sendo

representado pela frase “menos é mais” do arquiteto Mies Van Der Rohe, e hoje garante

muita sofisticação e modernidade aos ambientes. Saiba como conquistar esse tipo de

decoração com algumas dicas nesse artigo.

Mantenha o essencial

Saiba do que o cômodo precisa. Isso inclui não apenas móveis mas objetos decorativos,

como quadros, plantas, esculturas, etc. O estilo minimalista requer que estética e

funcionalidade sejam intrínsecos: isso significa que nada pode estar ali apenas para

preencher espaço, como já dizia Mies van der Rohe “menos é mais”, o arquiteto alemão.

Descarte tapetes e peitoris de janelas, e prefira rodatetos e rodapés lisos. Prefira móveis

com linhas retas e design simples, escolhendo-os sem exageros, mas sem abrir mão do

conforto. Opte por objetos sem puxadores e evite prateleiras abertas. Essa decoração é

especialmente eficaz em espaços menores, pois engrandece o espaço.

Paleta de cores

Como a decoração em si já é impactante, não é preciso cores vibrantes. Aposte em

preto, branco, cinza e outros tons neutros para trazer luz e manter o ambiente claro, o

que traz espaço ao ambiente. Você pode até usar cores vivas desde que seja em detalhes

que para os quais você quer chamar atenção, como em certos itens de mobília.

Materiais

Alguns materiais são privilegiados nesse tipo de decoração pois mantém a aparência

clean e funcional do ambiente, tal como o vidro, espelhos, madeira, inox e pedras. Para

o chão, por exemplo, o ideal são pisos de madeira ou ladrilho natural. Paredes brancas

com portas sem marco ou de correr são bastante populares. Superfícies lisas e

Fontes de luz

Difusão da luz natural é um dos aspectos essenciais do minimalismo, mas o uso de

fontes de luz artificial tem de ser feito com cuidado. Lustres e abajures ocupam espaço e

chamam atenção para si, o oposto esperado no minimalismo: prefira luzes embutidas no

gesso que podem ter a intensidade controlada, por exemplo, ou luminárias discretas.

Objetos de decoração

Se um objeto estiver em um cômodo minimalista, ou ele é útil em algum aspecto ou

complementa a “nudez” do ambiente. No ambiente decorado assim você deve escolher

qual objeto poderá chamar atenção, e só aquele. Um exemplo são dois ou três quadros

na parede, um vaso de orquídeas no centro da mesa ou uma pequena estatueta.

Eletrodomésticos e eletrônicos

Essa mescla de despojamento e funcionalidade faz com que os eletrodomésticos ou

eletrônicos tenham importante função no estilo minimalista. Como elementos

decorativos são bem poucos no ambiente, eles exercem esse papel naturalmente – ainda

mais se forem de cores que compõe o ambiente, como cromados ou pintados de branco

fosco. Quando organizados em seus locais de pertencimento eles têm um papel

essencial no ambiente, assim como a mobília.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Comments (0)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *