HomeGeral

Decoração de área comum do prédio foi furtada: O que fazer?

Decoração de área comum do prédio foi furtada: O que fazer?
Like Tweet Pin it Share Share Email

Morar em condomínio é um exercício constante sobre como conviver em coletividade, mas certas coisas são inadmissíveis, como é o caso de ter seus itens pessoais furtados nas áreas comuns.

É fato que a maioria das pessoas mora em condomínios residenciais ou em apartamentos com o objetivo de se sentirem mais protegidas, mas e quando o ladrão mora ao lado?

Afinal, você tem o direito de deixar seu capacho na parte externa da porta de sua casa, decorando o ambiente e dando personalidade a ele, mas alguns vizinhos se sentem no direito de furtar o item. Você sabe como proceder quando algo que é seu lhe é furtado no condomínio?

Converse com o Síndico

decoracao do predio furtada

Em casos de furto dentro do seu condomínio, é importante conversar com seu síndico sobre o ocorrido, explicando detalhadamente onde estava seu objeto pessoal e quando foi a última vez que o viu.

Se o condomínio conta com sistema de monitoramento por câmeras, o síndico deverá tentar investigar o possível culpado pelo furto, afim de fazer valer as punições previstas na convenção interna do condomínio.

Por isso, é importante que você também tenha o conhecimento sobre as regras do seu condomínio, sabendo exatamente como deve ocorrer a punição para casos de furtos.

O advogado especializado em direito imobiliário Leandro Sender explica que o condomínio só é o responsável por indenizar o morador pelo furto, se essa responsabilidade estiver descrita na convenção ou regulamento interno.

Por isso, não adianta querer exigir o ressarcimento do item furtado sem conhecer quais são as regras e convenções do local onde você mora, porque o papel do síndico é apenas o de cumprir essa convenção.

Se essa documentação não é favorável ao ressarcimento do condômino em caso de furto dentro do espaço de convívio comum, é preciso colocar esse tema em debate na reunião dos moradores, deixando claro para todos que moram ali o risco que é deixar seus itens nos espaços comuns, uma vez que o condomínio se isenta de responsabilidade.

Caso seja da vontade da maioria, é possível na reunião mudar a convenção para melhor, visando que todos os moradores estejam mais protegidos de possíveis furtos.

Síndico Omisso

É bem comum que, infelizmente, na tentativa de não entrar em uma grande confusão entre condôminos o síndico acaba se omitindo do papel de fiscalizar e investigar quem são os possíveis culpados pelos furtos ocorridos na área comum.

No entanto, nesses casos o morador pode solicitar uma Assembleia Geral Extraordinária, com o fim específico de conversar com todos os presentes sobre a possibilidade de alterar a convenção do condomínio a fim de que, todos os moradores estejam protegidos dos furtos ocorridos em áreas comuns.

Soluções Internas

decoracao de areas comuns do predio furtada

Resolver a questão do furto de forma amigável dentro do próprio condomínio é sem dúvidas a melhor maneira de diminuir a dor de cabeça que esse problema tende a causar.

Afinal, todas as pessoas precisam necessariamente se sentirem seguras no ambiente em que residem, por isso, é essencial poder deixar seus itens pessoais nas áreas comuns do condomínio sem o receio de ser furtado.

Seja o capacho na porta ou uma bicicleta desprotegida colocada na sua vaga de garagem, os seus itens pessoais deveriam estar protegidos e se eles são furtados, cabe ao condomínio resolver de maneira amigável.

Ao tentar uma solução interna, você deve registrar o ocorrido em livros próprios do condomínio que estão disponíveis para esse tipo de reclamação, essa documentação de tudo que está acontecendo é essencial para caso haja necessidade de comprovação futura das tentativas amigáveis de solução, explica Sender.

Uma dica que pode ser muito útil, é que caso o seu condomínio conte com serviço de vigilância terceirizado, esse é um custo pago pelos condôminos, por isso, é maior a chance de que você seja ressarcido uma vez que o serviço prestado não foi eficiente em proteger seus itens.

Furto É Crime

Independente da atitude do seu síndico ou do posicionamento do condomínio a respeito de furtos nas áreas comuns de convívio, é importante entender que furto é crime e você deve sempre procurar uma delegacia para registrar o boletim de ocorrência.

Esse documento será útil para garantir que, caso o condomínio não se posicione diante de tal situação, você tenha comprovante do que ocorreu para que possa recorrer à justiça visando ser ressarcido pelo furto ocorrido.

Ao recorrer à polícia, a vítima pode solicitar a ajuda dos profissionais para que tenha acesso às imagens das câmeras de vigilância do condomínio, caso esse acesso às imagens feitas no dia do furto tenham sido negadas pelo síndico.

Com essas provas, a vítima pode inclusive instaurar um processo criminal contra o autor do furto, que deverá responder na justiça por essa atitude.

Lembrando sempre que a solução interna e harmoniosa é a mais indicada nesse tipo de caso, afinal, você morar no mesmo condomínio de alguém a quem está processando criminalmente acaba sendo um desconforto para ambas as partes envolvidas.

 

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Comments (0)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *