HomeSala

Rack para sala

Rack para sala
Like Tweet Pin it Share Share Email

Na hora de ajeitar os eletroeletrônicos da sala de televisão, o rack ganha disparado como móvel favorito. Isso porque não é difícil achar um que esteja dentro do seu orçamento, há vários modelos no mercado e suas divisões e gavetas servem muito bem para acomodarem o aparelho de DVD, o Blue-Ray, os consoles de videogame e alguns objetos de decoração. Está na dúvida sobre como escolher um rack? Dê uma olhada nessas dicas.

Necessidade

Esse é o primeiro aspecto a ser observado. Quantas polegadas têm sua televisão? Você faz uso de um home teather? Quer algo minimalista ou cheio de prateleiras e gavetas? Pense sobre quais as necessidades esse móvel precisará cumprir e onde ele ficará localizado. Antes da compra, meça o espaço disponível para saber que o móvel caberá. Um rack com rodinhas é uma grande jogada, pois poderá ser movido mais facilmente para limpeza do ambiente ou mudança dos móveis de lugar.

Material

O material do rack é muito importante, por conta do acabamento e da qualidade do móvel. Móveis de MDF, por exemplo, tendem a ser mais baratos e apresentarem bom acabamento, mas podem acabar ficando tortos ao sustentar um peso muito grande, como uma televisão. Madeira maciça tende a ser mais cara, mas tem grande durabilidade se conservada direito.

Painel

Painéis tem sido a sensação do momento em questão de mobiliar a sala, pois não ficam apoiados no chão, ocupando pouco espaço e facilitando a limpeza do cômodo. Entretanto, como os painéis costumam ter prateleiras muito pequenas, um rack menor ainda pode ser usado sob a televisão para garantir o espaço dos outros eletroeletrônicos menores.

Decoração

Como tudo que está no cômodo, o rack também faz parte da decoração por si só e também serve de suporte para outros objetos. Por exemplo, um rack de madeira escura combina com um sofá de estofamento mais rústico e, para criar um jogo de luz, pode carregar objetos brancos, como vasos de flores. Um rack feito de madeira de aparência mais bruta, como a de construção, gera irreverência ao ser pareado com objetos modernos, como uma coleção de DVDs bem à mostra e outros pequenos eletrônicos.

A modelagem do rack em si também influenciará na criação do ambiente. Racks de linhas retas, portas de correr e que tem pintura metaliza ou duocromática, especialmente em tons neutros como branco e preto, expressam sofisticação. Racks em cores claras e prateleiras já tem um ar mais clean, e os com mais gavetas e portas e cor amadeirada trazem uma cara mais tradicional.

Conservação

Um rack não é um móvel de difícil manutenção, basta saber qual o peso que ele suporta para que a madeira não deforme ao longo do tempo, manter os pés longe da água para não fazer a madeira inchar e mofar, e ainda limpá-lo com produtos de limpeza apropriados para o material do qual é feito. Um pano úmido costuma ser bem eficiente na remoção de poeira, e para manchas mais insistentes você pode usar o lado macio de uma esponja.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Comments (1)

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *